Projetos CMDCA Sorocaba

Conheça as Organizações e os Projetos Inscritos em Sorocaba

Aprovados 2019

Nenhum tag.

APADAS

PORQUE EXISTIMOS?


Segundo a OMS hoje são 1.1 bilhões de pessoas com deficiência auditiva no mundo


80% vivem em países em desenvolvimento como o Brasil


e apenas < 1 em 40 tem acesso a aparelhos adequados e à reabilitação auditiva.


Por que isso importa??????

Porque o diagnóstico e a intervenção precoces e de qualidade permitem à criança com deficiência auditiva seguir o desenvolvimento igual ao de qualquer criança.


QUEM SOMOS?


A APADAS é uma organização não governamental sem fins lucrativos que foi fundada há 29 anos por um grupo de profissionais e pais de crianças surdas que desejavam que todas as pessoas com deficiência auditiva e suas famílias tivessem acesso aos avanços científicos e tecnológicos disponíveis para a reabilitação da audição e da comunicação oral.

Nesses 29 anos nos tornamos um Centro de Referência para 48 municípios e já atendemos mais de 20 mil crianças, jovens, adultos e idosos.



A APADAS é, hoje, um centro de pesquisa e de formação de profissionais reconhecido no meio científico nacional e internacional. Além disso, tornou-se um centro difusor e de apoio para criação de outros centros.

Isto é consequência do trabalho interdisciplinar que vem sendo desenvolvido baseado na atualização científica, na adaptação dos avanços científicos às características da nossa população e na concepção da pessoa com deficiência auditiva como indivíduo capaz de desenvolver o uso funcional da audição e a linguagem oral e escrita e se integrar à comunidade como cidadão ativo e participativo, desde que tenha garantidas as oportunidades de acesso.



Projeto FUNCAD 2018: ‘Ora, direis ouvir estrelas...”


O Objetivo Geral do Projeto “Ora, direis ouvir estrelas..” é garantir à criança e adolescente com deficiência auditiva o desenvolvimento e integração bio-psico-social visando sua autonomia e participação ativa na sociedade.


Objetivos específicos:


-Atendendo ao inciso III do art. 90 do ECA, este projeto visa fortalecer o vínculo familiar fragilizado pela dificuldade de comunicação com a criança e adolescente com deficiência auditiva permitindo à família a tomada de decisões consciente e participativa na educação de seus filhos. Visa o enriquecimento e fortalecimento da interação familiar, instrumentalizando a família para sua inclusão nas situações cotidianas de comunicação, contribuindo para sua inclusão ativa e participativa na família, escola e comunidade;


- Atendendo ao inciso VI do art. 90 do ECA este projeto tem como objetivos específicos nesta vertente:

1- favorecer a integração da criança e adolescente na escola e comunidade garantindo sua inclusão não só de direito mas de fato;

2- possibilitar o desenvolvimento do letramento e da comunicação oral através do contar e representar estórias, do teatro e da música;

3- Permitir à criança e adolescente com DA o acesso à música, à dança e à literatura;

4- Permitir à criança e adolescente com DA a construção plena de sua identidade e sua integração bio- psico- social


Público alvo: Crianças e adolescentes com deficiência auditiva e suas famílias atendidos nos programas de saúde auditiva e de proteção social desenvolvidos pela APADAS.

Número de Beneficiários direitos: 80 crianças e adolescentes entre 3 e 17 anos de idade

Número de Beneficiários Indiretos: 80 famílias, visto que pais e irmãos também participam do projeto



ATIVIDADE


CONTAR, representar e escrever estórias

Pedagogos

METODOLOGIA


Encontros semanais em grupos de até 10 crianças e adolescentes e suas famílias, com duração de 4 horas cada, contemplando atividades como palestras, grupos de convivência e troca de experiências oficinas de brincar, de músicas infantis e de roda, de contação de estórias, de teatro e de elaboração e interpretação de diferentes gêneros de produção escrita (jornal, e-mail, contos, folhetos, propagandas etc), oficinas de orientação vocacional.


Encontros semanais em grupos de até 10 crianças e adolescentes e suas famílias, com duração de 4 horas cada, contemplando atividades como palestras, grupos de convivência e troca de experiências oficinas de brincar, de músicas infantis e de roda, de contação de estórias, de teatro e de elaboração e interpretação de diferentes gêneros de produção escrita (jornal, e-mail, contos, folhetos, propagandas etc), oficinas de orientação vocacional.

-7 a 17 anos : a construção de um livro de estória. Para isso terão workshops com escritores sorocabanos que contarão sobre o processo criativo. Passeio externo (atendido e sua família) para visita às Bibliotecas Públicas de Sorocaba e além de assistir um teatro juvenil como parte das atividades desenvolvidas durante o Projeto..

Todos participarão de um teatro no final do ano com apresentação de duas peças. Pais e irmãos também participarão.






ATIVIDADE

Ouvir estrelas...

CANTAR musicista e pedagogos

METODOLOGIA

Encontros semanais em grupos de até 20 crianças e adolescentes e suas famílias, com duração de 2 horas cada, contemplando atividades de musicalização com diferentes instrumentos e estilos musicais.

Formação e ensaio semanal do coral com participação das crianças e adolescentes e suas famílias.

Será trabalhada a trilha sonora de todas as estórias clássicas lidas e contadas e o amadurecimento e diversificação do repertório do coral iniciado no projeto FUNCAD 2017 “Ouvir para Contar e Cantar”




Esperamos dar continuidade ao projeto 2017 para continuar o desenvolvimento da capacidade de compreensão de fala pela audição em função do uso contínuo dos dispositivos eletrônicos para audição e do aumento de horas e a diversificação de estimulação atribuindo significação ao mundo sonoro. Promovendo assim, o desenvolvimento integral das crianças de 0 a 6 anos que apresentam deficiência auditiva permanente.

Favorecendo a compreensão do universo da criança surda e seus familiares fazendo com que tenham expectativas reais sobre o desenvolvimento da criança e ela assuma um papel ativo e participativo na família, como todos os outros membros.

Esperamos também melhora no rendimento escolar e desenvolvimento da comunicação oral e gráfica, a qual será monitorada através de relatórios, visitas escolares, palestras de orientação a equipe pedagógica, evitando assim a evasão escolar e o trabalho infantil.


Indicadores Quantitativos e Qualitativos

Buscamos aumentar a adesão para acima de 95% e reduzir o abandono para 0(zero).

Buscamos obter scores de desenvolvimento de audição e linguagem compatíveis com a idade auditiva das crianças menores e aceleração da taxa de desenvolvimento daqueles que já estão em atendimento e apresentavam baixa adesão.

Buscamos melhoras no rendimento e participação escolar. Será feito um questionário antes e no final do projeto aos pais e professores. Também será feita uma análise comparativa da produção acadêmica da criança em relação aos seus pares ouvintes.

#Projetos2018

Faça seu imposto virar solidariedade

A legislação do Imposto de Renda permite também a destinação de impostos de pessoas jurídicas optantes pelo Lucro Real, deduzindo 1% sobre o Imposto de Renda devido. Aqueles contribuintes que pagam o carnê-leão, como, médicos, dentistas e até mesmo proprietários de imóveis que recebem aluguéis, também podem fazer a doação e descontar desse pagamento.

Pessoa Jurídica

Pessoas físicas podem destinar até 6% do Imposto de Renda devido, para o FUNCAD, podendo o contribuinte indicar qual a instituição que vai receber essa destinação, que pode ser feita via boleto ou por depósito em conta.

 

Para saber o valor que pode ser destinado, basta ver quanto foi o total de imposto devido na declaração do ano passado e calcular 6% desse valor, a partir desse cálculo é possível definir o valor aproximado que poderá doar e abater do IR na próxima declaração feita no modelo completo.

Pessoa Física

Ao realizar a destinação, é fundamental que o contribuinte informe ao CMDCA para a obtenção do recibo. Isso pode ser feito de duas formas:

 

  1. Ir até a sede do CMDCA levando o comprovante de depósito, tranferência ou boleto pago.

  2. Enviar as cópias digitalizadas do comprovante de depósito, tranferência ou boleto pago, juntamente com o nome completo, número do CPF/CNPJ e endereço para correspondência no e-mail: contato@cmdcasorocaba.org.br e receber o recibo pelo correio.

 

Essa informação deverá ser feita ao Conselho, até dia 15 de fevereiro do ano seguinte ao da destinação, para que o CMDCA possa informar a Receita Federal.

Via boleto bancário

Como fazer sua destinação

Gere um boleto clicando no botão a seguir e pague-o da forma que preferir, ou faça o seu depósito ou transferência bancária.

 

Após realizada a destinação, é muito importante que não se esqueça de enviar seu comprovante de pagamento ou de depósito para o CMDCA.

Banco do Brasil

Agência: 2923-8

Conta Corrente: 34.677-2

Fundo dos Direitos  da Criança e do Adolescente

CNPJ: 17.999.107/0001-98

Via depósito ou transferência

 

Clique aqui para gerar seu boleto